quarta-feira, 17 de maio de 2017

Resenha: Corações Destinados (Ingrid M. S.)

Autora: Ingrid M. S.
Editora: Independente
Gênero: Drama / Infantojuvenil / Romance
Páginas: 318
Ano: 2017

SINOPSE: Bianca nunca teve uma vida fácil. O pai a culpa pela morte repentina da mãe devido a complicações no parto, tratando-a como uma assassina, e entregando-se ao vício do álcool. É por isso que Bernardo, o filho mais velho, dedica-se a proteger a irmã, pelo menos até ser expulso de casa. Aos dezoito anos de idade, Bianca finalmente vai morar com o irmão, determinada a esquecer o pesadelo em que vive. Porém, quando as coisas parecem estar se ajeitando e ela está prestes a alcançar a tão sonhada felicidade, um acontecimento infeliz interrompe seus planos. É neste momento que Gabriel aparece como um anjo disposto a resgatá-la da escuridão. Ele mostra a Bianca que a força do amor é capaz de curar as mais profundas feridas. Mas para isso ela só precisa se abrir para o perdão. SKOOB

“Bianca, todos têm uma missão nesse mundo. A minha sempre foi proteger você, mas um dia alguém vai tomar esse lugar e espero que ele se faça merecedor. A sua, você descobrirá em breve. Então, não desanime, permaneça acreditando em Deus e em si mesma. Munida de fé, será forte o suficiente para aguentar qualquer luta. Amo você! Be.”

     Bianca perdeu sua mãe no parto e seu pai nunca se recuperou do ocorrido, culpando-a pelo e a tratando sempre muito mal. Violência física e psicológica foram duas constantes em sua vida, que só não foi pior devido à proteção de seu irmão mais velho, Bernardo. Quando adolescente, nossa protagonista vê seu irmão ser expulso de casa pelo próprio pai e passa a esperar ansiosamente pelos seus 18 anos, quando enfim poderia sair de casa e deixar para trás todo o seu sofrimento.

“A saudade de meu irmão começava a assumir o seu lugar e, para a minha infelicidade, precisaria me acostumar com a presença dela por um longo tempo. Do mesmo jeito que me acostumei com meu próprio pai – alguém que deveria me amar e proteger, mas ao invés disso, me batia e desprezava. Chutando-me como um animal rançoso.”

     O dia tão sonhado chega e Bianca pode então se encontrar com seu irmão, passando momentos extremamente felizes e sentindo a esperança de uma vida melhor brotar em seu peito. Contudo, um telefonema a faz perder seu chão ao se dar conta da tragédia que acabara de acontecer, fazendo-a mergulhar em um mundo preto e branco, completamente perdida.

“A maior convicção que eu tinha era de que as promessas não duram para sempre. Não podemos prever se vamos mesmo mantê-las. A dor que habitava dentro de mm era intensa e irremediável. Certamente seria eterna. Aquele buraco, que se abriu no meu peito, jamais cicatrizaria.”

     É quando conhece Gabriel, que logo se torna seu anjo protetor. Desta convivência nasce um sentimento tão puro que a fará reascender a chama da esperança em sua vida. Claro, alguns desencontros ocorrerão até que enfim possam viver esse amor.

“Porque o amor tem força suficiente para curar a dor e para nos mudar de dentro para fora, eu tive certeza disso quando conheci Gabriel.”

     O que falar desse livro? Cenas fortes que me emocionaram a ponto de me fazerem chorar tanto de tristeza quanto de alegria. Uma história de amor linda e apaixonante, daquelas que não queremos parar de ler... Li tudo de uma vez só e depois fiquei chateada por ter lido tão rápido... Não queria que acabasse, mas foi mais forte do que eu!
     O tema “violência familiar” é abordado de forma incrível, com cenas angustiantes e bastante reais (Infelizmente sabemos que o fato é mais comum do que gostaríamos.), fazendo-nos refletir sobre nossa própria vida e nossos problemas. Outro tema que sempre nos leva a inúmeras reflexões é o “ato de perdoar”, que nossa querida autora trabalhou lindamente, fazendo-nos perceber como precisamos disso em nossas vidas (Não estou dizendo que é algo fácil, mas que é necessário e que precisa ser trabalhado para o nosso próprio bem). Toda família tem seus segredos, e a de Bianca não seria diferente. Fiquei surpresa com o desfecho da história, que me fez entender muito do comportamento de seu pai.
     Uma leitura que recomendo a todos, não apenas pelo lindo romance ali retratado, mas principalmente pela riqueza dos temas abordados! Por mais histórias assim! Muito obrigada, Ingrid, por nos proporcionar tantos bons momentos com seu trabalho!!

Para adquirir o e-book, clique aqui.